what image shows

Carlos Dias

Empresário da indústria seguradora e hoteleira há 30 anos.

Militante, exclusivamente Socialista, desde 1993.

Até 1986, gestor numa grande empresa portuguesa e noutra angolana.

Representante sindical após o 25 de abril de 1974 e dirigente de duas cooperativas de habitação social.

Membro de Comissões Políticas e apoiante de António Costa, sendo mesmo seu companheiro de campanha, em 1993, na sua candidatura à Presidência de Câmara Municipal de Loures.

Em 2016, candidato à Presidência da Federação Distrital de Setúbal e, atualmente, comissário nacional, comissário federativo e, mais recentemente, eleito para a Comissão Política Concelhia de Sesimbra.

“A pedido do movimento “Resgatar a Democracia”, que conjuntamente com o seu fundador e líder, meu bom Amigo e Camarada Daniel Adrião, temos vindo a partilhar, defender e a desenvolver há mais de dois anos, agora, também com uma candidatura rejuvenescedora denominada “Refundar o PS e Reinventar Portugal”, em uníssono, com um valorosa equipa de outros Socialistas democratas, homens e mulheres, idóneos, cultos e verdadeiramente livres, porque mesmo profissionalmente e economicamente, nunca precisaram ou se serviram da Política, venho sucintamente, declarar o seguinte:

Caros e Caras Camaradas, tenho dado muito de mim e desinteressadamente à Democracia, ao meu Portugal e ao meu querido PS, sendo acérrimo defensor deste nosso comum projeto e, especialmente, das “Eleições Primárias” e de novas políticas, norteadas por cidadãos devidamente credenciados, com experiência e “Obra Feita”, que não façam da política profissão e carreira, como infelizmente presenciamos e ainda com a agravante, de prevalecer gente medíocre e corrupta.”

Next Post

Previous Post

© 2018 Movimento Resgatar a Democracia